A JUSTIÇA TENTANDO MORALIZAR A JUSTIÇA: CNJ PROÍBE GASTO EM ACADEMIA PARA JUÍZES

Brasil

Uma decisão do Conselho Nacional de Justiça suspendeu gastos de R$ 5 milhões do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro com uma academia de ginástica que fica à disposição dos juízes e parentes. A Corte assinou um convênio neste valor, que seria gasto em cinco anos, para a contratação de professores de educação física, dois gerentes, um assistente administrativo e uma copeira.  Além de suspender o convênio, o CNJ também determinou abertura de processo para devolver aos cofres públicos do estado, o dinheiro gasto na academia. O procedimento também poderá acarretar na punição disciplinar de gestores responsáveis pelo convênio.

(O Globo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *