MUNICÍPIO ADOTA PRONTUÁRIO ELETRÔNICO

Saúde

São Francisco do Conde é um dos primeiros municípios da região a contar com o Prontuário Eletrônico do Cidadão e, com esse sistema, o paciente receberá a notificação de agendamento com as informações do dia, horário da consulta e profissional pelo celular, mas, para isso, é preciso instalar o aplicativo Meu DIGISUS e cadastrar o número do cartão SUS do usuário.

O município escolheu adotar essa plataforma, já disponibilizada pelo Ministério da Saúde de forma gratuita, e que atende de forma plena as necessidades do município e, ao mesmo tempo, contempla as informações requeridas pelo Ministério que visam a garantia de repasse de recurso financeiro para custeio parcial das unidades de saúde. Trata-se de um ambiente virtual, também conhecido como PEC, que reduz os custos com investimento para estruturar as unidades.

Esse sistema vem evoluindo e agregando outros que atualmente são usados em diversos departamentos da SESAU e a tendência é que sejam, de forma gradativa, agregados dentro do PEC. Assim, os profissionais terão ao seu dispor uma gama de informações dos pacientes da rede SUS no município e podem melhorar e acompanhar as situações de saúde dos munícipes, como a prevalência de doenças e quais atendimentos precisam ser priorizados em cada área.

A Unidade de Saúde da Família da Baixa Fria vem sendo piloto no Projeto de Informatização da Atenção Básica do Município, juntamente com a Unidade de Campinas.

O projeto foi iniciado em fevereiro de 2017, com a coordenação de Gilvan Silva, e o primeiro passo foi a padronização dos procedimentos interno e a capacitação da equipe do Sistema de Informação, com o objetivo de quantificar e qualificar as informações recebidas pelo departamento e, posteriormente, informados ao Ministério da Saúde.

Já no segundo momento foi realizado um treinamento de capacitação para todos os profissionais das Unidades de Saúde da Família com o objetivo de mostrar a importância durante o preenchimento das fichas CDS ou lançamento individual das produtividades. Em paralelo, aconteceu a atualização da base de dados de cadastros dos domicílios e indivíduos, trabalho este realizado pelos Agentes Comunitários de Saúde e de fundamental importância para o projeto, pois são estes profissionais que estão dia a dia com a comunidade e conhecem de perto a necessidades dos indivíduos de suas respectivas micro área.

A Diretoria de Planejamento em Saúde – DIPLAN também vem realizando um trabalho de grande relevância que é o de monitoramento das informações, buscando estar próximo dos profissionais, mostrando a importância das informações transmitidas e quais foram os dados coletados, pois serão estas informações que balizarão as ações futuras da Secretaria da Saúde.

Nos dias 22 e 23 de agosto de 2018, uma equipe do Ministério da Saúde, juntamente com os profissionais do Sistema de Informação em Saúde (SIS) da Secretaria Municipal da Saúde – SESAU, estiveram presentes na Unidade de Saúde do bairro da Baixa Fria com o objetivo de capacitar os técnicos em enfermagem, enfermeiro, médico, dentista e assistente social desta unidade no sistema de Prontuário Eletrônico do Cidadão – PEC.

E, durante a última semana de agosto, a Saúde promoveu um monitoramento dentro da Unidade da Baixa Fria, com o objetivo de esclarecer possíveis dúvidas dos profissionais. Na próxima segunda-feira, 10 de setembro, o município vai iniciar o treinamento na Unidade de Saúde de Campinas, seguindo um cronograma estabelecido de capacitação para as unidades.

O objetivo é que até o final do ano o sistema esteja em pleno funcionamento em pelo menos 08 Unidades de Saúde da Família e que, até o primeiro trimestre de 2019, está em todas as unidades. Além disso, a SESAU tem se empenhado para adquirir tablet´s para o uso dos Agentes Comunitários, pois o aparelho será de grande importância para qualificar as informações domiciliares e também sobre os indivíduos do município.

Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *