SFC: PANTERA ASSUME A PRESIDÊNCIA DA CÂMARA

Política São Francisco Conde

A Câmara de São Francisco do Conde realizou na manhã desta terça-feira (01), a cerimônia de posse da nova Mesa Diretora da Casa para o biênio 2019/2020. Além de Antônio Santos Lopes-Pantera (PSD)como presidente, o órgão terá João Carlos Costa Nunes-Joinha (PHS), como vice-presidente, Cleberson da Silva-Moriel (PP), como primeiro secretário e Edcarlos Almeida Vasconcelos-Pita de Gal (PSB), segundo secretário. Esta chapa foi eleita por unimindade no dia 27 de junho de 2017.

Pantera inicou seu discurso com palavras de otimismo, e elevando a garra do povo da cidade. Em seus agradecimentos, ele ressaltou a importância de várias pessoas na sua trajetória política, sobretudo o ex-prefeito Antônio Pascol (Inmemória). Os colegas paralamentares não ficaram fora da sua lista de citados que contibuíram e/ou contribuem para o seu crescimento como político e como pessoa.

O novo presidente chamou a atenção para o futuro da cidade. Ele entende que todos têm que se unir para buscar novos caminhos na geração de emprego e renda. O vereador lembra sempre que o petróleo não é um recurso renovável, e São Francisco do Conde precisa encontrar novas formas de sobrevivência, aproveitando o seu potencial.

Apesar de ser o primeiro dia do ano, muita gente compareceu e prestou homenagem em especil ao presidente. O evento teve as presenças do prefeito Evandro Almeida, do vice Nem do Caípe, dos Secretários de Meio Ambiente Agricultura e Pesca, Renato Costa Rosa, de Saúde Eleuzina Falcão, Educação Marivaldo do Amaral, Planejamento SIlmar Carmo, Desenvolvimento Econômico Ana Christina, Serviços Públicos Amarildo Guedes, Ouvidoria Beto Maria, Cultura Osman Ramos, vereadores e outras autoridades políticas, além da comunidade franciscana compareceram à Câmara nesta manhã.

 

1 thought on “SFC: PANTERA ASSUME A PRESIDÊNCIA DA CÂMARA

  1. Pois é a união faz a força que venha a geração de emprego o povo precisa de trabalho, dinheiro na mão sem esforços não leva a lugar nenhum ajuda, mas não é futuro pra ninguém o povo precisa suar a camisa com um trabalho digno. Com o emprego o povo vai sair das calçadas e dos barzinhos no dia de semana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *